Minha doce Fleur



Apresento-lhes, meus caros leitores, dona Fleur, para estarem familiarizados pois haverá muito mais sobre essa guria dos cabelos acobreados. 

(...)

Fleur era uma guria 
que passava
pela rua 
mas só de dia
pois tinha medo de observar a Lua.

Pois a luz que caía na cidade
era obscura
de tal forma
que amedrontava-a

pra que tanta luz
ah, estamos em Paris
pra que luz
eu só quero dar um passo sem tropeçar de cara no chão
batendo o meu próprio nariz. 

Comentários

Postagens mais visitadas